sexta-feira, 18 de maio de 2018

Combater a barriga saliente através da postura




A nossa postura influencia, e muito, a nossa barriga, isto é, se parece mais ou menos lisa. Experimentem de perfil frente ao espelho tirarem a camisola e manter a coluna direita. Vêem diferenças? 


Tenho um desvio na coluna que se acentuou com a gravidez. Desde sempre que tenho uma má postura (com a coluna curvada para a frente). Se sempre afectou a questão estética, com a idade também tem tido um impacto negativo no meu bem-estar. Estou seriamente a ponderar o ioga e Pilates que fortalece todo o corpo, nomeadamente costas, coluna e abdómen. Estou já a tentar alterar a postura de forma natural, pois uma boa postura favorece o trabalho dos músculos da coluna e os abdominais também actuam de forma mais eficiente. Uma postura correcta permite que todos os músculos sejam naturalmente fortalecidos, melhorando o seu tónus, diminuindo a flacidez e evitando a barriga saliente. 

É verdade que se tivermos um excesso de peso considerável, a postura não fará desaparecer a "barriguinha", mas acreditem que faz diferença nos outros casos. 

É importante ao sentar (eu passo o dia ao computador) encostar totalmente as costas à cadeira e apoiar os pés no chão, não cruzando as pernas nem deixar as pernas penduradas. Ao andar, é importante posicionar os ombros para trás de forma a ficar erecto. 

Custa mudar hábitos tão enraizados, mas vai valer a pena. 







3 comentários:

Titica Deia disse...

Eu por acaso noto logo diferença na barriga quando me endireito mais.

Também tenho uma postura super torta, ás vezes até uma um colete de pescoço por causa das dores, e nesses casos é que noto bem a questão da barriga.

Obrigada pela dica!

Beijinhos
https://titicadeia.blogspot.pt/

A Pimenta* disse...

Tens toda a razão! Nunca tinha pensado nisto desta perspetiva, mas é um facto. Falando por mim, eu tenho uma péssimo postura e dou por mim toda curvada. Mesmo no trabalho, a dar explicações, muitas vezes as costas estão mal posicionadas e isso não ajuda em nada quando se trabalha muitas horas. É algo que tenho, sem dúvida, de melhorar e corrigir!

Elisabete disse...

O pilates ou o ioga parece-me uma excelente ideia! Faço pilates há uns meses e embora não veja grandes diferenças, sinto que ganhei mais força abdominal. Sempre achei que eram modalidades que todos deviam praticar de forma complementar ao seu treino e para já estou a gostar! ;)