sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Mulheres no activo

Há poucos dias foram divulgadas notícias acerca da repartição de horas de trabalho entre homens e mulheres, tanto fora como dentro de casa. Nas entrevistas de rua muitas pessoas dizem que ainda se fala demasiado em "ajuda" por parte do homem em vez de "partilha". É verdade que ainda hoje a principal carga de trabalho cabe à mulher. E há ainda muitas que não podem contar com os homens para nada!

Mas tenho a dizer que nestes últimos anos, creio que surgiu uma tendência nova. Cada vez mais há pais conscientes que educam os seus filhos homens desde tenra idade para as tarefas domésticas. Mas por outro lado há muitas jovens mulheres que não sabem fazer nada de nada em casa. São verdadeiras dondocas. Não sabem limpar nada nem cozinhar nada. Ou porque os pais têm empregada ou porque os pais nunca quiseram que a sua rica filha fizesse certas coisas. E vejo tantos casais novos em que a mulher não sabe fazer nada e em que o homem até faz mais do que a mulher, até tratar dos filhos. Sim, podem chamar-me retrógrada, mas isso choca-me. Acho que temos todos que saber fazer um pouco de tudo. Aprender a ser auto-suficiente. Tenho casos desses bem próximos e quando pergunto às jovens como vão fazer quando saírem de casa, apenas respondem-me que também terão empregadas. E não estou a falar de gente com muito dinheiro. Enfim...

10 comentários:

Kinhas disse...

Lembro-me de andar no 3.º ano da faculdade e ouvir duas colegas a perguntarem onde iam jantar, e uma respondeu algo do género "qualquer lado menos pizza ou massa, que comi isso toda a semana"... 3.º ano de faculdade já deveríamos ter 20 anos pelo menos... e nenhuma delas sabia cozinhar e orgulhavam-se disso... Por sua vez tinha amigos que cozinham espectacularmente bem... Mudam-se os tempos...

Pipita de Chocolate disse...

Este post vem muito a propósito de um assunto que me tem estado na cabeça nos últimos dias e com quem tenho partilhado opiniões.

Na maior parte do meus amigos, o homem pouco ou nada faz em casa, apenas dá aquela "ajuda" em algumas coisas mais triviais (por a mesa, por loiça na máquina, etc). Apenas no departamento filhos, mostram alguma evolução em relação à geração dos nossos pais e avós, pois interajem bastante com ele, dão banho, mudam fralda, dão de comer...

E tenho falado com pessoas com filhos e filhas que reconhecem que com os meninos facilitam muito mais (o que até é notado pelas irmãs!).

E no final de contas o problema é esse! As mãezinhas fazem dos seus meninos pequenos principes, que não podem estender uma peça de roupa ou limpar o pó! Eu vejo pela minha mãe, somos 2 filhas e 1 filho. Ele faz muito menos, com 22 anos, do que eu fazia com 14/15. Apesar de na casa dos meus pais eu ter responsabilidades minimas de fazer a cama diariamente, trocar-lhe os lençois, passar umas coisinhas a ferro, arrumar a roupa e pouco mais!

A verdade é que tem sido uma luta tremenda desde que casei! O meu marido era caótico em casa da mãe, nunca fez NADA! Excusado será dizer que não é fácil! Mesmo assim está melhor, mas refila imenso sempre que tem de fazer alguma coisa e eu sou sempre a sobrecarregada com tudo: roupas, comida, limpezas... E volta e meia ainda me diz que eu devia ter força de vontade de ir ao ginásio (#raiva!!!) Enfim, nós as mulheres é que temos de ter mil facetas (mulher, esposa, dona de casa, filha, amiga, mãe, etc.) sempre sem falhar com nada nem ninguém!

E sim é verdade que há mulheres que não sabem nem querem saber de fazer as coisas da casa. Se puderem ter empregada, melhor, se não estão tramadas!

Beijinhos

Opinante disse...

Às vezes fico assustada com a nossa realidade... Deparo-me com situações reais que me deixam bloqueada!

M a f a l d a disse...

Sou da mesma opinião que tu. Há que haver um meio-termo e aprender não faz mal a ninguém, seja homem ou mulher. Beijoca

Guinhas disse...

Olha eu, por acaso tenho empregada MAS não é todos os dias.Independentemente disso, sei fazer tudo em casa e, quando é preciso, arregaço as mangas e ajudo a D Helena que já faz parte da casa!Detesto pessoas que acham que partem as unhas por lavar a loiça ou que não sabem fazer anda de nada!

Cat disse...

Conheço um caso desses... nem cozinhar, nem limpar, nem sequer passar uma camisa... a desculpa é que também vai ter empregada...

Rídiculo!

Beijinho para teu pimpolho :)

Su disse...

Eu não percebo isso do "não saber fazer nada em casa", seja para que sexo for.
Eu saí de casa aos 19 anos e nunca tinha feito lides domésticas, a minha mãe nunca me tinha ensinado nem eu tinha precisado. Vivendo sozinha, aprendi por mim à medida que ia precisando.
Por isso, não me choca que se chegue à idade adulta sem saber. Se não sabe, aprende. Pesquisa na net ou pergunta como se faz. Quando é preciso.

Cláudia disse...

Eu acho esta nova moda deprimente. Reflecte uma inversão de valores que me assusta um bocadinho. Ter orgulho em dizer que não se sabe fritar um ovo sequer?

Quanto ao assunto 'eles', também a minha rica sogra nunca foi muito de puxar pelo filhinho, mas ele esforça-se por inicitativa própria.
Mais que uma e duas vezes (e porque ele sai muito mais cedo do trabalho que eu) e tinha a limpeza da casa toda feita. Desde o pó ao wc. Na cozinha temos um pacto, eu cozinho e ele arruma. Enquanto eu cozinho ele está descansadamente em frente ao sofá, no pc, onde quiser sem eu me irritar ou ele ter remorsos. Depois de janatar trocamos, eu vou fazer as minhas coisas e ele fica a arrumar a cozinha. Ás compras vamos sempre os dois para ser mais rápido e menos stressante. Enfim, nesse aspecto não me posso mesmo queixar mas tenho consciência que sou a excepção.

Paula F M disse...

Não tenho muito jeito para montes de coisas e não me importava nadinha de ter uma (ou mais empregadas!) e ser dondoca. Quero lá saber da auto-suficiência!! :D

Isaal disse...

Olá,

Pois aqui por casa tudo é repartido a 4 por não termos hipótese de ter empregada. Tenho 2 filhos, um com 14 e outro com 19 e fiz questão desde cedo que eles se habituassem a fazer tudo, acho essencial,porque nunca sabemos o que nos traz o futuro e há que prepará-los bem!!!! Por outro lado conheço casos de meninas com a idade dos meus que não fazem nada, ou porque têm empregada ou porque as mães fazem tudo, não sabem o mal que fazem......