quarta-feira, 30 de março de 2011

Conforto ou desleixo


Depois de um dia extenuante de trabalho, se há algo que as mulheres desejam é descansar confortavelmente. O problema é que durante a semana é nessas poucas horas de descanso que podemos estar com as nossas caras-metade. Ora, será que nos podemos dar ao luxo de estar completamente à vontade nos serões e fins-de-semana?

Há quem diga que o amor vai além de uns trapos e que o amor é poder estar à vontade frente a quem amamos. Dizem que já basta durante a semana terem que passar meia hora na casa de banho a maquilhar-se e a nadar arranjadas. Por isso no fim-de-semana e no final do dia é tee-shirt larga, cabelo oleoso e fato de treino...

Eu penso que deverá haver um meio termo. Claro que aquela casa também é nossa e nos devemos sentir bem e confortável nela. Mas os homens vivem de estímulos visuais. Passados os primeiros tempos de paixão arrebatadora, quando a rotina se instala ninguém gosta (homem ou mulher) de olhar para o outro lado de sofá e de ver alguém completamente desmazelado, quase não o reconhecendo. A cara-metade merece que o outro se cuide e esteja minimamente apresentável e atraente. Eu sou daquelas que chega a casa e troca de roupa, porque gosto de me sentir confortável. Mas não exagero. Posso estar confortável sem cair no desleixo. Há pijamas e conjuntos tão agradáveis a venda, hoje em dia. E no fim-de-semana, visto-me e maquilho exactamente como durante a semana, porque o faço primeiro para me sentir bem comigo própria e também porque ele merece ter uma mulher apresentável ao seu lado. 

Acho que há muitas mulheres que caem num desmazelo demasiado grande, o que prejudica bastante o clima de romance, que com o frenesim do dia-a-dia já pode ter condicionado. Sei que não é desculpa, mas muitos homens sentem a necessidade de estar com uma mulher mais sexy, mais feminina que os estimula. Eu sempre disse que casamento dá trabalho, até na nossa estética: não nos podemos permitir desleixo na depilação, por exemplo. É um mínimo. Pode haver um grande amor, mas será que os anos aguentam tanto desmazelo?

14 comentários:

dinona disse...

Eu jámé consigo andar de fato de treino ao fim de semana, jámé!
Acho que para além de desmazelo ficam com ares de porcalhotas (porque me faz lembrar a malta das barracas).
Usa-se com uns jeans, uma sweat, e põe-se um bocadinho de rímel ou coisa que o valha para dar o ar de sua graça e não rouba tempo a ninguém e ficamos logo com outro aspecto.

Arame disse...

Para tudo deve haver um meio termo.
Sim, é preciso não cair no desmazelo e cultivar a relação.

Faz de Conta disse...

Meio termo para tudo. Confortáveis mas giras :) limpinhas e com boa cara

Friendly words disse...

Nem 8, nem 80! Devemos assumirmo-nos exactamente como somos! Qual é o mal de ao fds, de vez quando, vestirmos fato de treino ou andarmos um pouco mais desmazeladas/confortáveis? Não vejo mal nenhum nisso! Os nossos maridos/namorados têm de conhecer estas 2 nossas facetas, a de arranjadinha e a sem ser arranjadinha! Daqui a pouco só nos faltava dormir maquilhada, com base, etc só para que não nos vejam noutras condições, só para que não vejam os nossos "defeitos"! Sinceramente não me preocupo muito com isso, levo a vida mais "relaxada" nesse aspecto!Somos mulheres, mães, etc, não bonecas! Quem nos ama, ama-nos como somos...e há alturas para tudo.. para nos verem à vontade e para nos verem arranjadas! E mtas vezes é com estas diferenças que reparam em nós: "como estás bonita hoje!" se estivermos bonitas e perfeitas todos os dias, já nem reparam, pq é habitual! loll

anf disse...

O meio termo é o ideal,
bjo

Nokas disse...

Como tudo na vida, é preciso haver um meio termo!!

Eu, Tu e o Meu Blog disse...

Concordo Dina.Gosto de estar em casa confortável mas feia é que não. :) no verão é muito mais facil estar conformtável e bonita visto que os pijamas sao muito mais apelativos ;)*

hug * disse...

confortáveis mas não demazelados é uma boa essência que estimulará ambos, se juntarmos a isso um desejo comum que se sente so pelo olhar... as coisas ficariam quase quase perfeitas :)

tens um carinho para ti no meu espaço **

Ana A. disse...

Eu ADORO andar de fato de treino ao fim de semana, e não fico com ar de "malta das barracas" os meus fatos de treino são muito fashion, e não é o que se usa mas como se usa. Há mulheres que mesmo andando de vestido Versase o ar que tem ninguém lho tira!!!!
Concordo plenamente com o que a Frindly disse, eu não vivo a minha vida em função dos gostos do meu marido!!! E quem ao fim de semana tem a lida da casa para fazer e uma filha pequena para brincar, não vai andar de saia pencil e stilletos, ó minhas amigas! Cabelo oleoso e depilação por fazer, eu chamo a isso falta de higiene!

Pistaxa disse...

Concordo, mas também devo admitir que tenho dias que me apetece estar confortável ao máximo, isto é, se me apetecer estar a um domingo de pijama enrolada numa manta, sinceramente não me vou maquilhar para isso.Tomo banho, arranjo o cabelo mas maquilhar para estar no sofá na ronha é algo que ainda não assimilei.
Claro que sou contra o desmazelo e não quero nunca cair nele.Quando digo isto não somente por ele, mas acima de tudo por mim, para me sentir bem.Sempre.
Ainda assim, gosto de tirar um dia ou outro para estar sem esse tipo de preocupações.Não é entrar no desmazelo, mas é também saber apreciar quando uma pessoa está diferente.Se uma pessoa for sempre igual, nunca se notará diferença nenhuma e isso também acho que é entrar no exagero.Eu falo por mim que tb o acho bem sexy quando estamos enrolados na manda a ver filmes sem ter grandes preocupações.
Acho que há alturas para tudo.

Beijinhos* * *

Dina disse...

É o chamado meio termo! Há que se adequar às circuntâncias. Não pensem que ando a fazer a minha lida de casa de saia e tacões altos. E também tenho dias de ronha em que passamos o dia de pijama no sofá e sem maquilhagem. Mas são excepções, não a regra.

Podemos estar confortáveis e apresentáveis.

Ana: Concordo perfeitamente e sou a primeira a achar ridículas certas mulheres que vão ao parque com as crianças e não se podem mexer de tanta peneira. Conheço uma senhora que só veste roupinha de marca ao puto e depois está sempre aos gritos porque o Diogo não se pode sentar na relva, não pode andar de escorrega etc, etc. para não sujar a roupinha... Mas isso já é outra história :)

É o que digo temos que nos sentir bem, mas nunca cair no desmazelo. Para o bem da nossa auto-estima e pela saúde da nossa relação...

Nah disse...

Toda mulher tem que se sentir bm consigo mesma mas não pode cair na rotina é sempre bom inovar..
bjinhos
dicasearte.blogspot.com
espero visitas

Nokas* disse...

Eu gosto muito destas tuas reflexões. Fazes-em pensar.
Concordo contigo. Eu adoro andar de pijama mas tento fazer um esforço para quando ele está aqui em casa para não o fazer. Claro que é mesmo uma questão de não chegar a extremos: nem o desmazelo total, nem o hiper mega chique a 100% todos os dias.

Brandie disse...

Eu jamais ando mal arranjada. Nem para fazer limpezas me visto de qualquer forma. Mas faço-o para mim, no entanto sei que os homens apreciam isso:)