sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Este é o país em que...


... Se criam movimentos para apoiar jovens criminosos que mataram um ser humano de forma ignóbil
... Se suspendem as penas a criminosos violentos por bom comportamento
... Se destitui um inspector da PJ porque existem demasiadas provas que acusam um casal protegido pelas mais altas esferas da sociedade inglesa
... Um país em que tantos criminosos escapam às merecidas penas devido a um sistema judicial débil

... Mas também é o país em que um homem, trabalhador, dedicado e cidadão exemplar é constituído arguido. A-R-G-U-I-D-O. E porquê? Porque simplesmente durante o seu dia normal de trabalho teve ordem de ir rapidamente resolver um assalto a um banco. Azar, havia areia na via pública. Azar, o carro patrulha anterior deve que parar muito rápido para não atropelar um peão. Por isso houve um toque numa viatura do Estado, que não tem seguro. O próprio Estado que deixou de permitir aos agentes pagarem do seu bolso um seguro de carta de condução. 

Por isso o meu marido é hoje considerado arguido, juntamente com violadores, ladrões, corruptos (ai não, esses conseguem fugir ao sistema, porque eles são o sistema),... Por isso quando da próxima vez estiver a ser espancado, violado, ou roubado e os polícias demorarem uma eternidade, não os acuse a eles. Porque eles têm uma família e contas para pagar e não podem correr o risco de bater com o carro. Até quando é um colega que está em perigo de vida, eles conseguem ser alvo de um processo disciplinar se acontecer algo às abençoadas viaturas...

18 comentários:

Ana'Space disse...

Como é que é possível?!?!
Decididamente justiça é o que não há neste país.

:O

@Hanna

madeMOIselle disse...

Que nojo.

Que vergonha.

Que revoltante.

Não sei se ajuda. Mas tenho a certeza que muitos estão com o teu marido e todos os seus colegas, e contra este sistemas

Não sei que diga disse...

É o país que temos, Portugalito no seu melhor. Vergonhoso!

a Gaja disse...

Vergonhosa essa situação, infelizmente é assim que as coisas são :(

Mami ( Sónia ) disse...

É bem verdade! O meu marido também é policia por isso conheço bem essa realidade. Eu dava instrução de condução na tropa em viaturas que não tinham seguro e nem sei como nunca tive um acidente tal o estado lastimável em que elas estavam.
Só que passa por elas é que sabe dar valor.
Espero que tudo se resolva a favor do teu marido. Beijo grande e muita força!

teardrop disse...

Inacreditável este país onde vivemos. Que vergonha!

Ana disse...

ja nao é surpresa nenhuma esse tipo de situaçoes acontecerem...para mim estamos numa altura em que,ou fazemos como os egipcios ou entao vamos piorar mas muito mais...somos um povo que ja nao luta como antigamente...greves e afins nao levam ninguem a lado nenhum.

nao sou de modo nenhum a favor de violencia,mas sou a favor de sermos mais veementes,revolucionarios,de acção.

o Estado está mt bem e cada vez mais recheado...nós...cada vez mais "esmifrados"..e eu pergunto-me....onde é que vamos parar.

Mamã do Príncipe Pipoca disse...

Também conheço essa realidade. É uma tristeza e é revoltante quando se vêm os O.C.S. a falar dos policias como se estes fossem os criminosos, confesso que gostava que um ou outro apanhasse um susto só para não tomarem sempre o partido dos ladrões, até faz confusão. Se as pessoas soubessem as condições em que os policias trabalham não falavam metade.

Scarlet_Perry disse...

Este post esta genail. Lamentavel e sem uma situacao pessoal, o que torna tudo muito mais vergonhoso e injusto.
Lamento e espero que corra tudo pelo melhor! *

Gelatina de morango disse...

A situação é revoltante, sem sombra de dúvida. Mas sabes, quanto à questão de o teu marido ter sido constituído arguido, esse termo é visto de forma negativa mas, uma vez que há um processo a decorrer (que não devia haver no caso, não é isto que estou a questionar, como é óbvio) o ser-se arguido é uma defesa da pessoa porque precisas ser constituída arguida para ter direito à protecção da lei em termos penais. Não sei se fui clara e, mais uma vez, não estou a pôr em causa a injustiça do que aconteceu, porque isso é inegável.

Pintas disse...

Que vergonha realmente....força!!!

Ritokas disse...

conheço bem essa realidade e concordo com tudo.........infelizmente e que se passa no nosso país...

formiga disse...

Oh querida, mas como é que isso foi possivel?? Então os policias estão cá para nos ajudar e ainda são desapoiados pelo estado??? Mas que pais é este que permite uma coisa destas??

Força querida e espero que isso se resolva tudo rapido e pelo melhor!

BEIJINHOS

Soneca disse...

Estou sem palavras...
Miséria.

Nokas* disse...

A protecção que se dá às forças policiais neste país é deplorável. Este tipo de situação devia de passar no telejornal para que toda a gente perceba a forma limitativa com que um polícia tem de desempenhar a sua vida profissional. Só espero que corra tudo bem!

Guinhas disse...

Realmente, há coisas que não dão para entender...

Alexandra disse...

Mas nesse acidente houve feridos? Alguém apresentou queixa? É que não estou a ver porque foi constituído arguido... Mas paciência, é o país que temos.

Força e beijinhos

secretasme disse...

Por estas coisas é que eu sinceramente não sei onde vamos parar daqui a dias...porque os bons são sempre os mais injustiçados...é como ainda há poucos dias ouvi "isto está bom é para bandidos"...bjs e k corra tdo bem!