segunda-feira, 8 de novembro de 2010

La flamme du désir


Os almoços de amigos de Domingo são sempre frutíferos em conversas. O tema central foi a diferença entre uma amante e uma esposa... Os homens queixam-se que as suas mulheres chegam a casa à noite cansadas, de mau humor, com a única vontade de descansar. Mas que ainda fazem o jantar, tratam dos miúdos e que tiram a roupa de trabalho para vestir um pijama ou roupa confortável. E que o último desejo delas é fazer amor. Enquanto que para as amantes, ou namoradas, o topo das prioridades é fazer amor, estarem sexy para o homem, etc.

Eu acho que a mulher, casada e com filhos (não tenho mas imagino) que diga que está sempre disponível para o sexo é mentira. Há dias infernais, em que chegamos a casa e não queremos ouvir ninguém e esquecer que o mundo existe. E eu, não gosto de fazer fretes a ninguém. Ou estou dedicada a 100% ou prefiro esquecer. Eu acho que aí é que reside a grande diferença entre a paixão inicial de quando se é namorados (sem grandes outros compromissos) e quando se é casada com um homem, com uma casa, um trabalho e filhos. Não é o sentimento que muda, mas toda a envolvente de compromissos extras.

Mas é pena que a paixão por vezes passe para o fim da lista. Ninguém é obrigado a fazer o que não quer. Mas é preciso investir ao máximo na paixão e no amor. Organizar a rotina para ter tempo de qualidade com quem mais amamos. Para reavivar a chama da paixão...

Por isso uma semana cheia de amor a todas ;)

13 comentários:

Sairaf disse...

Se dúvida, mas o problema é que cada dia que passa as pessoas não estão dispostas a fazer cedências.
Abraço grande
Adorei o post!!
Sairaf

Kikas disse...

nem mais...eu por mim falo.

agora então que o homeme vai estar fora 1 mês...é que a paixão vai voltar, lol

Mami ( Sónia ) disse...

Concordo contigo, não estamos cá para fazer fretes, mas eles que não venham com tretas porque eles também tem dias que não lhes apetece porque também estão cansados do trabalho ou sei lá mais o que. Isto dá para os dois lados.
Mas sim temos sempre de tentar encontrar um equilíbrio saudável para a relação andar para a frente.
Kiss

Nokas disse...

Concordo plenamente!!! :)))

Deusa disse...

:) Right back at you...
Boa semana!

Verinha disse...

Totalmente de acordo!

Bjks***

Liliana disse...

Tens razão! E neste últimos dias dou por mim a pensar como era quando éramos namorados e agora vivendo juntos! Há algumas diferenças sim...mas temos q saber pôr o cansaço de lado e aproveitar ao máximo!

teardrop disse...

Boa semana para ti também :) Com muito amor e muitos miminhos!
Beijinhos

Kikas disse...

concordo, querida :) bora todas seguir o conselho da dina! :p

Fiona disse...

Acho que hoje em dia é cada vez mais difícil fazer cedências, infelizmente... E depois as rlações ressentem-se desta situação. Mas acima de tudo acho que é fundamenteal não deixar nunca a relação cair em rotina (ou pelo menos, fazer os possíveis...). Isso é o mais importante!

Fios de Vida disse...

Concordo plenamente! E no vai e vém do dia-a-dia é tão fácil esquecer que o amor e o desejo têm de ser alimentados! Mas têm e é fundamental que sejam pelos dois. Beijinhos

Bomboca do Amor disse...

Estas palavras poderiam ser ditas por mim!
Beijinhos,
Bomboca do Amor.

Bailarina disse...

Ora, concordo plenamente!! 8)