terça-feira, 18 de outubro de 2016

Caldeira Velha | São Miguel






A Caldeira Velha é um ícone de São Miguel, e habita no imaginário de cada um. O Parque da Caldeira Velha fica na encosta da Serra da Água de Pau, mais precisamente na estrada que leva à Lagoa do Fogo. Mas não se preocupem porque vão ver logo imensos carros estacionados à beira da estrada.

O Parque é imperdível mas mesmo assim desapontou-me um pouco, porque tinha aquela imagem mental da Caldeira em pleno monte, perdida de tudo e todos. Agora, faz parte de um Parque, cujas infra-estruturas estão muito bem inseridas. Em toda a Ilha, nota-se um cuidado redobrado na utilização de materiais e cores que se "camuflam" na natureza, mas espero que os responsáveis pelo Turismo saibam preservar o estado "selvagem" das suas atracções. 

A Caldeira Velha é um verdadeiro monumento natural: a riqueza da sua fauna é espantosa, com várias espécies exóticas, sobretudo fetos. Aqui a água também tem origem termal e numa das caldeiras está mesmo em ebulição. O cenário é paradisíaco. Se não fosse ter tanta gente, até seria romântico. Não me recordo bem, mas o bilhete rondou os 3€/ adulto. 

8 comentários:

Messy Jessy disse...

Tenho tanta vontade de visitar os Açores, parece ser mesmo bonito!

Liliana Paiva disse...

Cada vez tenho mais vontade de ir aos Açores :)

Dina disse...

Messy jessy: é mesmo muito bonito :)

Liliana Paiva: eu percebo :) Vale muito a pena. É um destino tão completo (e eu nem sou daquelas pessoas que adora destino "de natureza")

Sara disse...

Bolas, mas e agora paga-se??? Estou indignada!
Já fui muito feliz na caldeira velha e a companhia foram apenas uns meninos açorianos que não se percebia nada do que diziam... lol

A Pimenta* disse...

Já conheci a Madeira, mas os Açores ainda não. Toda a gente diz maravilhas da ilha, um dia quem sabe, será uma opção para as férias.

Maria disse...

um sitio engraçado mas estava à espera de mais :)

Dina disse...

A Pimenta: Acho que fazes muito bem :)

Dina disse...

Sara: Estás a ver é isso que me "assusta" com os Açores: que percam aquela magia da natureza selvagem, do seu estado puro. Acho que fui numa boa altura antes do boom turístico ser ainda maior