quinta-feira, 30 de abril de 2015

Cuidado com os prémios


Na terça-feia ligaram-me porque tinha ganho um fim-de-semana num hotel. Tinha participado num passatempo no Dolce Vita Tejo e tinha sido contemplada com um prémio. Teria que ir levantar o meu voucher a Vila Franca de Xira. A pessoa do outro lado do telefone disse-me para não ter medo que não me iriam vender colchões, etc. A única coisa que me pediam era que se gostasse da estadia teria de promover o serviço deles. Como até trabalho na área turística lá dei o benefício da dúvida.

Depois de uma breve pesquisa lá me dirigi ao local combinado onde me passaram o voucher para uma estadia de 2 noites. Mas pronto, como estava a espera, tentaram-me vender algo.

A Interpass é um clube de viagens, ou um operador de turismo que funciona da seguinte forma. Naquele preciso momento teria que me fazer sócio e pagar 107 euros (se bem me lembro) pela anuidade e a simpática jóia de quase 5.000 euros ou 7.000 euros (a pronto!) segundo o tipo de contrato desejado. Ser sócio dava-me direito a preços mais baratos nos hotéis associados, o melhor preço em serviços de Tv, seguros, e companhia.

O azar deles é que nunca na vida contrato algo na hora. Não me permitiram levar documentação para casa. As condições dos contratos eram apenas rabiscos feitos pelo vendedor numa folha de papel branca. Como não me viram convencida começaram a usar técnicas de vendas muito agressiva. 

Por isso, se forem contactados por esta companhia cuidado. Eu, só fiz a minha parte: falar dos serviços deles. 

22 comentários:

Carla Isabel disse...

Não pediste livro de reclamações?
Como vencedora de um concurso, supostamente não podes ser obrigada a comprar algo...

Helena C. disse...

Também me aconteceu o mesmo, e eu avisei logo que não ia comprar nada ali, que me dessem a informação para analisar e depois eu aceitaria ou não, então já nem me disseram os preços, se não ia comprar na hora não podiam dar essa informação! Para mim, quem utiliza essas técnicas agressivas de venda, já sabe que os serviços que têm a oferecer não valem o preço que pedem... Se tivessem confiança no seu serviço não se importariam que as pessoas analisassem as condições com atenção!

Tatiana Dias disse...

Isso aconteceu-me aos meus pais, era eu pequenina mas lembro-me do filme, quando chegamos ao hotel para ver o tal prémio, um homem com pinta de vendedor rasca começa a tentar forçar os meus pais a comprarem de tudo e mais alguma coisa, no próprio hotel estava uma sala com colchões, conjuntos de loiças etc's... O vendedor para além de ser arrogante era super mal educado e nojento! Não sei como o meu querido pai conseguiu controlar-se e não lhe dar um soco :x a sério! Lembro-me como se fosse ontem, o homem ainda veio atrás de mim para tentar dar um voucher ou lá o que era e eu fugi ahah bonito!
Beijinhos,
Blog | Instagram | Twitter |

Jo disse...

Por acaso somos sócios da Interpass cá em casa mas nunca tivémos qualquer problema do género com eles... Fiquei um pouco "triste" por ter conhecimento desta situação.

Liliana Henriques disse...

Também já aconteceu ao meu namorado! Que grandes atrasados! Não percebo porque é que têm necessidade de enganar as pessoas e fazê-las deslocarem-se para isso.
Enfim...
Beijinhos

Timtim Tim disse...

Já me aconteceu, mas mal perceberam que eu era jurista, perderam o entusiasmo.

Lea disse...

O meu namorado caiu no engano de ir a uma reunião do Interpass e fez-se sócio sem que eu soubesse! Coitado, é um inocente que vai na conversa das pessoas! Aquilo começou a correr mal porque lhe estavam mensalmente a retirar dinheiro da conta e ele quis terminar o contrato. Começou por fazer como eles diziam: enviar carta registada a pedir o cancelamento, etc...mas os gajos nunca cessavam o contrato. Teve de por um advogado ao barulho para que tudo ficasse sem efeito! Muito cuidado com essa gente!!!

Petra disse...

Olha eu nem ouço essas chamadas!!! não tenho mesmo paciência para essas ofertas com água no bico!! desde uma vez que quase me obrigaram a aceitar que alguém viesse a minha casa testar uma treta de um aparelho para purificar água e me queriam vender uma tendice que custava mais de 500 euros, perdi a paciência! Reclamaste no livro? bjo

Ana disse...

Obrigada pela informação porque a cada passo recebo mensagens a "oferecer" estadias, viagens...enfim!

Tete disse...

Essa história faz-me lembrar uma chamada que recebemos á muitos anos.
Na altura tinhamos telefone fixo em casa, a minha irmão teria uns 9/10 anos e atendeu. Dissrram que era um concurso e que só tinha que responder a pergunta " Qual amarca de tekemovel mais vendida? A. motorola B. Nokia C..."
Claro, a resposta era de caras e ela ganhou. Então lá fomos nós num fim de semana á tarde até a uma urbanização xpto em Sacavém para receber. O que recebemos já não sei (julgo que uma ida á madeira para duas pessoas q nunca foi usada), mas levaram-nos a ver loiças! De edições limitadas, numeradas, etc.
Escusado será dizer que os meus pais hesitaram e ele ia oferecndo mais um conjunto de conhaque em cristal, mais um de whisky, um serviço para o dia a dia, uma toalha pxto com guardanapos, bla bla.
Acabamos por sair de lá a gastar uns 2500€ ( em prestações) em algo para o nosso enxoval. Na altura era super caro, ainda o é.
E ainda hoje digo á minha mãe que o nosso sotão vale ouro por tudo o que lá está.
Anos mais tarde a minha mãe comprou outro serviço em outro local (ninguem a obrigou, foi porque gostou e porqe como tinha comprado a uma tambem queria comprar para a outra), com mais peças, mesma marca de ceramica, edição limitada, tudo com fio de ouro e cristais por cerca de metade do preço!
Hoje em dia vejo imensos conjuntos desses á venda nos classificados. Se as peças são linda? São sim, muito bonitas, delicadas e elegantes. Mas foram super caras e num desses esquemas.

curso tecnico de frio refrigeração disse...

Bom dia essa companhia já antes tivera outros nomes tais como intertravel gestravel tendo inumeras queixas crime nos tribunais por burlas
o esquema é bem simples tentam fazer um contrato com a pessoa que ira pagar uma determinada mensalidade.

Depois com a devida documentação assinada pelo incauto vão a uma agencia bancaria credibom cofidis ou outras menos filedignas.

As referidas dão o valor total do contrato a esta suposta companhia, sendo que nós teremos depois de pagar a importância à referida entidade bancaria...

Aqui é que a coisa se complica a suposta anuidade inexistente depressa entra em acção aparecendo do nada depois do contratado nem sinal.
Se deixamos de pagar ao referido banco entramos em litigio pois eles apenas querem saber dos lucros e juros do contrato e uma vez que já entregaram o dinheiro à companhia agora querem a parte deles, pois a dita companhia já deverá ter mudado de nome e de localização os números de telefone passadas semanas são desconectados e vêm-se com uma divida e sem quaisquer lucro da mesma....

Eu fui um dos muitos incautos que caiu parcialmente na esparrela...
Não me permitiram sequer ler o contrato fizeram-me assinar uns papeis e esperavam se ter safo... infelizmente para eles nunca paguei um tusto pois o contrato nunca chegou a ser celebrado como manda a lei como tal enviei cartas registadas à entidade bancaria dando conhecimento do sucedido e como não tinha nenhum bem que houvera contraído com a referida companhia não tinham porquê me querer cobrar nada.
Ainda tentaram-me persuadir e intimidar...
Técnicas para as pessoas se assustarem e pagarem com receios do nome sujo no Banco de Portugal e afins.
Mas nem 1 tusto levaram da minha parte nem mesmo os 50€ que me exigiram para a a abertura do processo de associado.

Caros leitores muita atenção e mentalizem-se do seguinte ninguém dá nada a ninguém, neste mundo de corruptos anda meio mundo a tentar iludibriar o outro meio... E por vezes as facilidades só trazem problemas às nossas vidas, mais vale devagar e seguro que andar em atalhos e apuros.
Espero que com estas minhas palavras fiquem advertidos para este tipo de esquema.
Um bem haja a todos.

Dina disse...

Carla Isabel: Não havia livro de reclamações :/

Jo: A sério? conta-nos lá a tua experiência

L. das horas disse...

Que cena!! Não quero estadias à borla, obrigada :)

Jo disse...

Dina, fomos contactados sim mas explicaram-nos tudo tim tim por tim tim... o valor a pagar e as vantagens de que poderíamos usufruir. Os meus pais na altura ficaram interessados e somos sócios desde então. Não te sei dizer exactamente o valor que pagamos - porque são os meus pais que pagam, não eu - e as vantagens são para todos os membros da família, incluindo os meus avós. Já usufruimos de alguns descontos em consultas médicas - que é uma das ditas vantagens... digamos que há uma espécie de "seguro de saúde" associado - e recebemos a informação de viagens/estadias em que temos desconto. Sinceramente fiquei um bocadinho reticente agora que li todos estes comentários... mas a verdade é que realmente nunca nos sentimos enganados em nenhum momento - sempre me pareceu tudo muito explícito, especialmente os valores a pagar, e em momento nenhum nos sentimos obrigados a comprar nada ou a fazer o que quer que fosse. Não tenho mesmo nenhum problema a relatar até ver.

Minnie Me disse...

Só uma coisa: tiveste na mesma direito as duas noites?

Epá odeio esse tipo de coisas.

C*inderela disse...

O meu marido é um sortudo, passa a vida a ganhar estadias dessa agência. Sempre recusamos mas eles não nos largam. Fui ver à net e eles têm muitas queixas, uma pessoa fica logo com o pé atrás.

Bjokas*

Moa disse...

Fujam da interpass...

Nany disse...

Já nos contactaram também e viemos de lá com o voucher do fim de semana que joguei no lixo.
Não, gosto muito de férias mas detesto que me tentem enganar.
Bjs

VerdezOlhos disse...

Aconteceu algo muito semelhante ao meu namorado e foi a mesma estratégia e produto que tentaram vender. Como tu, também ele se recusou a contratar algo que, pura e simplesmente não lhe interessava. Quando ele disse que não queria contratar nem comprar nada e manteve a sua posição passaram a uma abordagem muito agressiva e até chegaram a chamar um superior para o tentar demover.
Estas são técnicas de venda proibidas por lei! E o problema é que muita gente ainda é levada na conversa, ficando em situações muito desconfortáveis depois.

VerdezOlhos disse...

No entanto, a verdade é que apesar de tudo ele veio pra casa sem contratar nada e com o voucher para duas noites. E lá fomos nós, passado algum tempo, aproveitá-lo :) vá lá!

Paulopes disse...

Acabaram de me oferecer exactamente a mesma coisa que a si, duas noites... obrigado pela sua informação. Iria hoje levantar o voucher, tenho hora e local combinado, mas nem sequer lá ponho os pés, pelos comentários que leio por aqui. Não quero sequer dar hipótese a que me tentem dar a volta com as tais vendas agressivas, que eu sei que existem, e não quero ter eu que ser "agressivo", ou ter que mandar alguém a algum lado, ou simplesmente deixá-los a falar sozinhos...

Mariana Candeias disse...

Há mais de 20 anos tentaram fazer comigo o mesmo e recentemente repetiram.
em ambas as vezes não comprei nada.
Desta vez estive 2 horas a dar-lhes conversa.
Como não poderia pagar a pronto sugeriram-me pagar a prestações.
Peguei papel e caneta e nas vantagens que me apresentaram a nível de preços, fui desmontando todos os argumentos de que seria vantajoso para mim e minha mulher. a prestação mensal que era alta que teria de pagar todos os meses mais o preço da viagem dava para pagar 2 viagens.
e assim continuei.
bebi café comi umas bolachas tinha 2 jovens espectaculares a falarem comigo de viagens e outras coisas e a certa altura isto com o tal superior, recebi uma chamada e aproveitei a ocasião para dizer que tinha de sair imediatamente.
Trouxe o voucher.
Passados 20 anos a interpass não mudou nada.
Formas agressivas de tentar vender a todo o custo.

Se tiverem posses financeiras para viajarem regularmente e o dinheiro extra adquirirem para o serem sócios penso que tem vantagens pois de facto os preços são bons.
Caso contrario se andam a juntar para depois viajarem Desaconselho vivamente a não cair nos argumentos deles.
Pois este tipo de vantagens so se beneficia com a regularidade de usufruto das viangens.