quinta-feira, 10 de abril de 2014

Organização

Quando se tem um filho pequeno, sem o apoio da família precisamos de muita organização e coesão no casal.

Os meus dias são um desencadear de acções pré-programadas para conseguir chegar ao fim do dia e ter uns minutos de brincadeiras com o pequeno (nem que seja apenas a leitura de uns livros, porque o meu estado físico e mental não dão para mais).

Enquanto enfrento o trânsito de regresso a casa, começo logo a pensar no que irei vestir no dia seguinte. Tenho tempo de pensar, fazer e desfazer imensas combinações. E penso também no jantar do dia seguinte para ter tudo delineado quando chego a casa.

Normalmente quando chego, o banho do pequeno já foi dado. Dedico sempre uns minutos de conversa e miminho aos homens de casa e zupa para a cozinha fazer o jantar. Enquanto o jantar faz, preparo o pão para a MFP ou arrumo alguma coisa. Depois é limpar a cozinha, preparar a mochila do mais pequeno, preparar a minha, escolher a roupa dele, preparar o meu outfit, deixar a máquina de roupa programada, etc. Assim é tudo mais fácil de manhã.


Porque há prazeres do qual não abdico, como sentar-me a mesa para tomar um bom pequeno-almoço. Simplesmente, ou a ler duas páginas de um livro, ou olhando pela janela e aproveitando a frescura da manhã. E quero chegar ao fim-de-semana e viver sem horários. Estou louca pelas férias de verão!

2 comentários:

Alex disse...

Que grande organização. Com tudo organizado conseguimos ter tempo para tudo. Mas as férias sabem bem porque não há horários! Bjs

desabafosemrodape disse...

tenho a dizer que admiro essa capacidade organizativa. e parece dar bons resultados. :)