sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Hoje o meu pai faria 70 anos e seria uma festa. O tempo não alivia as saudades que podemos sentir. Sente-se cada vez mais a falta da pessoa que mais amamos na vida. A sua ausência é um sufoco. Há dias, como o de hoje, em que tento nem pensar para não sofrer mais. Porque dói. Dói ele não estar aqui ao meu lado. Feliz por mim, e por festejar mais um aniversário, coisa que ele tanto gostava. Dói porque sei que ele ficaria louco por estar a espera de mais um neto/a. Dói porque o meu filho nunca conhecerá o avó fantástico que teve. Há dias de festa que se transformam em dias de tristeza tão grande.

Sim, eu sei que ele está junto de mim. Eu sei que me protege e está feliz por nós de onde ele está. Mas há dias em que não queremos saber nada disso. Queremo-los aqui junto de nós. E por mais irracional que seja, nada mais importa.

15 comentários:

Princesse Sofia disse...

Quem diz que tudo isso passa com o tempo nunca passou pela devastacao que e perder alguem tao importante...nunca vai passar e vai sempre doer infelizmente..mas e como dizes, esteja ele onde estiver esta feliz por ti.....forca!

Soinita disse...

Dina, ando há algum tempo um bocadito ausente e só agora me apercebi que estás grávida.
Que bom querida. Muitos Parabéns. Que sejam muito felizes. Fico muito contente por ti, porque sei que é algo que tu queres mesmo muito.
Parabéns.

Um beijinho grande

Nokas disse...

Força :)

Tsuri disse...

Um grande beijo minha querida e lembra que ele está sempre contigo, sempre.

Clara disse...

Mas esse sentimento que tens é a mais pura prova de amor para com ele. Recordá-lo é torná-lo à vida, apesar de fisicamente ausente... não conheço tal dor, mas imagino-a como muito dolorosa. Beijinhos ;)

M.M. disse...

Eu nunca conheci o meu avô mas por tudo o que me contam dele, admiro-o bastante... faz com que o teu pai seja tambem para o teu filho alguem a admirar :)

Eu sei que essa dor nunca vai passar... apenas se aprende a viver com ela...

M a f a l d a disse...

Nem imagino o quando deve doer..mas o ciclo da vida é cruel. Um bejinho de força!

(ps, deixei um miminho para ti no meu blog, vai lá buscá-lo :) Beijinho)

Opinante disse...

Abracinho*

O teu blog tem cara nova, tem um ar mais fresco! Gostei!

Dina disse...

Obrigada a todas pelo carinho...

M.M: acredita que espero consegui-lo ;)

Babi disse...

Linda,

Desafio no meu blog ;)
bjs

Cacau disse...

Ele vai estar sempre presente, se calhar não da maneira que tu queres mas deixou um grande legado sabes? TU :) que te lembras sempre dele! Um beijinho*

Gelatina de morango disse...

Não consigo imaginar o que sentes mas sei que deve doer mesmo muito. Por isso fica aqui um beijinho muito grande para ti querida*

sol disse...

Claro que ELE estará sempre e para sempre contigo!Beijinho no coração!

Maria disse...

Beijinho enorme e um xi forte...

Mariana disse...

Um beijinho de força;)