terça-feira, 3 de março de 2009

A Herança de Judas


«Das profundezas do oceano Índico surge uma horrível praga para devastar a humanidade - uma doença desconhecida, imparável... e mortal. A bordo de um navio convertido em hospital improvisado, a Dr.ª Lisa Cummings e Monk Kokkalis, agentes da organização clandestina Força SIGMA, procuram respostas para a esta estranha calamidade quando, num golpe brutal e imprevisto, um grupo de terroristas assalta o navio, transformando uma nave de compaixão num laboratório flutuante de armas biológicas. »

Depois da epopeia do ferro de engomar, instalei-me no sofá e devorei as últimas páginas da Herança de Judas de James Rollins. E, como estava a espera, adorei. É uma história cheia de suspense, a alta velocidade, que conta com várias narrativas em simultâneo interligadas, que mistura dados históricos e científicos verídicos com ficção. Todos os ingredientes para garantir uma história captivante. E como o final deixa muita coisa em aberto, estou pronta para o próximo livro sobre a Força SIGMA...

5 comentários:

Segundo Olhar disse...

Não conhecia este livro :)

anaaaatchim! disse...

Recebi hoje o que tu chamas de "próximo", e vou começar a ler a noite =) Estou em pulgas...

A Herança de Judas adorei! Tal como todos os outros livros do autor, mas foi o único que me conseguiu deixar bem triste, e à espera que aconteça um milagre no livro seguinte (que não me cheira que venha a acontecer, diga-se)...

Dina disse...

Ai que inveja que estou a sentir...Eu também fiquei a espera de um milagre mas antes de ler esse queria ler A Ordem Negra.Depois conta-me se gostastes...

anaaaatchim! disse...

A Ordem Negra foi o segundo dele que foi publicado em Portugal, e claro, foi o segundo dele que li =)

Se estás à espera do mesmo milagre que eu, não sei como consegues ler antes da Ordem Negra, em vez do Ultimo Oráculo ;)

(eu vou colocando a opinião lá no estaminé ;))

Dina disse...

lol. Eu sei que o milagre vai ser no Último Oráculo. Mas deixei para trás A Ordem Negra (ofereceram-me a Herança de Judas e não consegui tê-lo em casa e não lhe tocar). Mas a Herança já faz muito referência a outras aventuras da SIGMA que não conheço, e pressuponho que tenham ocorrido no segundo volume. E queria que o último livro lido fosse o último da sequência...