segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Dói. E muito.

Ouvir o nosso pai a sofrer do outro lado da linha. Estar cheio de dores que mal pode falar. E não estar lá para lhe apertar a mão nos momentos de maior intensidade. Não estar lá para lhe sussurrar palavras de reconforto e de incentivo. Não estar lá para lhe passar a mão pela cara para lhe dar alento e carinho. Não saber que palavras dizer porque tudo é desnecessário. Dizer-lhe para ter forças e pensar positivo quando as dores lhe invadem freneticamente o corpo?
A impotência é um dos sentimentos mais corrosivos. É horrível. Nesses momentos só peço a Deus que o alivie, que me deixe partilhar a sua dor, para o aliviar alguns instantes...


14 comentários:

Liliana disse...

Muita força minha querida!

De certeza que com o amor que sentes por ele, só por isso ficará bem melhor!

Beijocas

Agridoce disse...

Não estás ao lado dele, mas podes mostrar-lhe que estás sempre lá. Força, muita força!

Me disse...

Força querida!

Beijo cheio de energia positiva!

sol disse...

Muita força Dina!

1 beijo grande

Ana'Space disse...

Muita força!

Beijinho
Anna*

TiTó disse...

Tens que ter muita força, acredito que te deve estar a custar imenso.

beijocas***

isabel disse...

A maior força do Mundo.
Que tudo corra bem.

Beijinhos

sakura disse...

Sei bem o que isso é Dina. Passei pelo mesmo, muito recentemente, com a minha madrinha...
As palavras que lhes podemos dizer não aliviam a dor. Mas é um consolo ele saber o quanto gostas dele.
Bjinhos***

Myself disse...

Força!!

As tuas palavras fizeram-me recordar momentos como esses, sei o que custa e não é pouco...
Estamos cá para te apoiar. Melhores dias virão...

Xoxos

Cinderela disse...

Fiquei com o coração apertado ao ler o teu post. Sei como te sentes, já estive numa situação bem parecida com a tua, mas com a minha mãe. Tenho a certeza de que o teu pai sabe que se pudesses trocarias de lugar com ele.
Por agora, faz aquilo que está ao teu alcance, dá-lhe apoio pelo telefone (sempre que seja possível), diz-lhe o quanto gostas dele e tem fé, muita fé.
Estamos todas contigo a torcer por ele, e isso são muitas energias positivas juntas, capazes de correr com qualquer doença!
Beijinhos, minha querida!

Miss Apuros disse...

Um bjinhu grande para ti. Força linda*

Dina disse...

Obrigada! realmente se as correntes de energia positiva que passam por aqui pudessem curar, ele estava cheio de saúde! Muito obrigada a todas pelas palavras de carinho...

Deusa disse...

Como te compreendo... bem demais mesmo.
O que te posso dizer é que ele precisa da tua força e tu precisas da dele... sempre...
Coragem...
Kiss

Rita Moura disse...

Eu acredito que tu já o ajudas bastante quando falas com ele pelo telefone! Força! ; ) ***